domingo, 4 de setembro de 2016

Amarela florida Margarida

De todas formas de amor
Me permites sentir todas

Sofre em silêncio
Enquanto eu finjo não ver
Que me lês
Que me tem
Que detém o ímpeto de mãe
De me prender forte eu teu eu

Me deixa ir aonde for
Me guia a vida como uma flor
Amarela, margarida florida de sol.

Nenhum comentário: