quarta-feira, 26 de setembro de 2012

Caminho



A algum tempo, não sei dizer bem quando nem a quanto tempo, só sei que já faz um tempo, que comecei a andar por este caminho. Não tenho bem certeza de aonde vai dar e nem se vai dar em algum lugar porém,
sigo a estrada em direção ao que acredito.

Assim como todo caminho, neste eu também encontro obstáculos, conheço pessoas, dou rizada, atravesso montanhas, riachos, cachoeiras, ruas, estradas, entradas, crenças, e-mails, tatames, choro, pulo, dou mais rizada ainda, chuto, grito, danço...enfim...sigo o baile.

Não importa o que aconteça eu sigo erguendo a cabeça e mantendo o caminho, pois um homem que não tem algo a seguir é homem perdido.


Nenhum comentário: